Relatório da plenária dos vereadores do dia 05/03/2009

Mais uma contribuição deixada aqui para que possamos ficar atualizados sobre os últimos acontecimentos. Presença de quase todos os vereador...

Mais uma contribuição deixada aqui para que possamos ficar atualizados sobre os últimos acontecimentos.

Presença de quase todos os vereadores na plenária, tendo a falta somente do Abelardinho. Lembrando que citarei aqui somente os fatos de importância geral.

>> Leitura bíblica para iniciar como de costume;

>> Leitura da Ata do dia 12/02/09 e a do dia 03/03/09. A Ata do dia 12/02 é a da sessão que elegeu os membros das Comissões Permanentes, sendo assim os vereadores da bancada governista presentes votaram contra. Mesmo assim foi aprovada por maioria de votos.

Expedientes Recebidos:

>> Charlinho solicitou que fossem retirados de votação para melhor discussão, as leis que tratam do teto salarial e a do aumento salarial dos professores das disciplinas até o 5º ano. Como a solicitação foi feita fora do prazo estabelecido, não foi aceita.

Expedientes expedidos:

>> As leis que foram aprovadas na sessão passada chegaram a conhecimento oficial do Prefeito.

Ordem do Dia:

>> Por não necessitar de maioria absoluta, só a lei do teto salarial pôde ser votada;
A do aumento salarial dos professores e outras leis necessitam do entendimento do que seja maioria absoluta de 11 vereadores para serem votadas;

>> O Teto salarial foi aprovado, com votos contrários dos vereadores: Jorginho, Kifer, Toni Coelho e Beto da Reta;

>> A indicação da formação de uma Comissão Especial para adequar do Regimento Interno da Câmara foi aprovada e os 5 membros da Comissão serão: Márcio Pinto, Nisan, Robertinho, Kifer e Jorginho.

>> Nisan solicitou reforma para a Capela do Cemitério São Francisco Xavier;

>> Houve ao final, uns discursos voltados para o debate da maioria absoluta.
Segundo Kifer, o Regimento Interno diz que a maioria é 50 mais 1 vereador. Nas contas dele seriam: 5,5 vereadores mais 1, dando 6,5 que ele arredondou para 7. Portanto segundo ele a maioria de 11 são 7.
Márcio Pinto e Silas Cabral discursaram defendendo que o STJ e o TSE já determinaram que a maioria de 11 são 6. Alegam que é uma conta fácil de fazer.
Jorginho entrou com um processo que está paralizando os trabalhos, onde o Juiz Rafael de Itaguaí, que estranhamente acata tudo vindo da Prefeitura e desse grupo governista, querendo entender melhor essa conta da maioria e com isso atrapalha o bom andamento dos trabalhos.
Segundo Vicente Rocha, Presidente da Casa, isso em breve terá fim e não terão mais problemas com essas liminares pois a Comissão Especial que vai adequar o regimento Interno, buscará eliminar justamente esse tipo de questão.

Finalizo aqui deixando a mensagem de que espero que isso se arrume logo. Torço muito também para que possa um dia assistir a plenária e não veja mais a bancada governista votar seguindo ordens superiores e esquecendo dos interesses de quem paga seus salários: o povo. Governista sim... mas conscientes... por favor.

Notícias Relacionadas

Sessões da Câmara 1866737922984928846

Postar um comentário

  1. o silas e o marcio pinto estao dando um show de politica estao honrando o voto da minha familia

    ResponderExcluir
  2. O Sr. me faz rir, sua família votou em Silas e M.Pinto?
    Deve ter votado pelo grande desempenho desses políticos.
    Eles realmente merecem os seus votos, a cada fraze que leio em seu blog me certifico da sua credibilidade.

    ResponderExcluir
  3. "não entendi como tres vereadfores ainda votam contra o aumento de profesores"

    ResponderExcluir
  4. Olá mais uma vez Neuci,

    Não tenho como controlar os comentários aqui do blog pois não concordo em censura. Acredito que quando você fez criticou o comentário do "anônimo" pensou que foi eu quem fez o mesmo. Desculpe te informar, mas não foi eu quem elogiou nesse comentário os vereadores citados. Estou sempre nas plenárias e se fosse elogiar pelo que vejo, começaria pelo charlista do Carlos Kifer, iria ao Vicentinho, ao Márcio Pinto também e ao Silas com certeza. Mas não sou inocente em entender que suas desenvolturas nas atividades durante a plenária seria uma mudança em suas vidas. Sei que existem intereses obscuros nisso.
    Ah, o voto da minha família com certeza não foi neles. Meu pedaço de bairro quase todo votou no Silas e não foi por causa da consciência política do povo daqui, eu garanto.
    Se quiser avaliar o blog e quem o escreve, leia somente o que estiver assinado tá. Se você se revolta com os comentários eu garanto a você que me revolto muito mais que você. Fico irado com a falta de consciência política desse povo e com os erros de português em excesso, pois sou professor. Esse é o mundo virtual...

    ResponderExcluir
  5. Se quiserem escrever um texto que trate da política em Itaguaí, eu colocarei no blog.
    Seja ele falando bem ou mal, seja qual for o ponto de referência.

    Posso esperar um texto seu Neuci? Seria ótimo ter textos com um outro ponto de vista.

    Email: politicadeitaguai@gmail.com

    ResponderExcluir
  6. Corrigindo:

    politicaitaguai@gmail.com

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Curta nossa Página

Semana

Recentes

Comentários

Visualizações do Blog

Twitter

Anuncie Aqui

Anuncie Aqui
item