Sessão da Câmara de Vereadores de Itaguaí - 22/12/09 - Última do ano

Reunidos para balanço Num clima condizente com o espírito natalino, os vereadores de Itaguaí concluíram os trabalhos do segundo período leg...

Reunidos para balanço

Num clima condizente com o espírito natalino, os vereadores de Itaguaí concluíram os trabalhos do segundo período legislativo de 2009, na terça-feira (22), aprovando duas leis enviadas pelo Executivo. A primeira delas é a que dá sinal verde à criação de unidade pré-hospitalar no município, que vai funcionar na Rua Juraci Vidal Clemente, no Centro. A expectativa é que a nova unidade contribua para desafogar as demandas no hoje sobrecarregado Hospital Municipal São Francisco Xavier, através do atendimento preventivo.

Os vereadores aprovaram também a criação do Serviço de Inspeção e Fiscalização Municipal de Produtos de Origem Animal e Vegetal. Com isso, fica aberto o caminho para que produtores rurais industrializem, para comercialização exclusivamente no município, produtos como água de coco e leite. “Com isso, os produtores poderão obter orientação técnica na própria Secretaria Municipal de Agricultura, que será o órgão fiscalizador”, destacou Carlos Kifer.

Sessão solene encerra ano

A reviravolta que marcou as relações do prefeito Carlo Busatto Junior, o Charlinho, com parte dos vereadores, da oposição inicial até a conversão unânime dos parlamentares, foi destaque no balanço das atividades da Câmara de Itaguaí, no encerramento do período legislativo. Mas os discursos se referiram também à rotina. Márcio Pinto, por exemplo, fez um balanço das sessões. Admitindo que 33 sessões não aconteceram, ele listou 52 sessões ordinárias e 69 extraordinárias, aquelas que são realizadas em um mesmo dia, para justificar o empenho da casa.
Beto da Reta criticou a baixa freqüência do público às sessões, cobrou a instalação de elevadores de acesso ao plenário e exortou os colegas a brigarem pela vigência de leis que não surtem efeito prático.

Lembrando participação na festa de aniversário da Escola Pedro Antônio de Aguiar, em Piranema, Carlos Kifer falou sobre a decadência da agricultura do município e cobrou mais investimentos federais. Aproveitou para criticar a Caixa, pela deficiência no atendimento à população. Já Toni Coelho se mostrou aliviado com a liberação da Rio-Santos e manifestou preocupação com os constantes engarrafamentos que ocorrem nas imediações do Supermercados Guanabara. Ele defendeu a contratação de uma consultoria para dar solução ao problema. No fim, reacendeu uma centelha que o colega Márcio Pinto tentou minimizar, momentos antes, quanto à produtividade da casa. “Obrigado principalmente aos que ficaram até o final para ouvir a gente”, disse ele, aos colegas que permaneceram em plenário.

Jornal Atual, 25 de dezembro de 2009.
Renato Reis

Notícias Relacionadas

Sessões da Câmara 765335733388664824

Postar um comentário

  1. Uma sugestão sobre a organização do trânsito nos arredoras do Guanabara:
    É sábido de todos que o trânsito ali anda caótico.
    Que tal se fosse feito a mudança da entrada de carros do mercado para a rua lateral (aquela com uns 5 metros de largura e com um ponto de táxi, situação fisicamente impossível de funcionar bem), sendo invertida a mão dessa rua e a saída do mercado na rua Dr. Curvelo Cavalcante (atual entrada) e, recuo do sinal luminoso ali instalado em aproximadamente 50 metros (é inadmissível um sinal de trânsito e a faixa de pedestres localizados na entrada de um mercado - ocorre a institucionalização das infrações de trânsito ali!!! - melhorando um pouco o caos instaurado ali. O ponto de táxi poderia ser removido para a baia em frente ao mercado (com estacionamento a 45°), destinando outra baia aos ônibus da Expresso.
    Assim como o nivelamento do trecho da "ciclovia" com o da calçada já existente para um melhor fluxo dos usuários do mercado. Acredito que não precisamos de obras mirabolantes para a melhoria do trecho e, com a atuação mais enérgica dos controladores de trânsito instalados ali, tudo melhorará!!!

    ResponderExcluir
  2. Hoje pela manhã estava um caos no centro de Itaguaí devido ao grande fluxo de carros entrando no Guanabara.

    Acho sua proposta muito boa.

    Mas ontem ouvi na Rádio Onda FM, no Programa Troca de Ideias, o Secretário de Obras, Jackinho, falando das obras que terão no centro de Itaguaí. Deve ser por isso que eles ainda não fizeram nada. Infelizmente como eles não passam por aquele trecho enfrentando os problemas gerados pelo Guanabara, acredito que vai ficar assim por um tempo ainda.

    ResponderExcluir
  3. "Há uma força motriz mais poderosa que o vapor, a eletricidade e a energia atômica: a vontade."
    (Albert Einstein)

    ResponderExcluir
  4. ola companheiros voces estão sendo muito tecno com as açoes; sinples nos
    crandes centros urbanos tem que ter
    estacionamento atitude do executivo municipal;se tem uma coisa que deu certo em itaguai foi o hiper guanabara tem ate estacionamento a e com cerguinha de tubos metalicos;fico assim penssando comigo;e tem veriador
    se promovendo com sofrimento das pessoas;um usa em seu nome inps para enganar os idosos com falsa aposentadoria;outro coloca camisas com sinbolo de canpanha eleitoral e bota os velinhos pra ralar; vamos com o pirulito para o auto e cantando; obs pirulito e uma pequena placa;facil fazer feriado para prejudicar o comercio e os usuarios;escola fechada. porque um veriador quer fazer uma media com os evangeligos;mas agredito que em breve o povo vai dar o troco nessas figurinhas; o meus queridos pastores o lobo esta de olho nas ovelinhas de deus !!!

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Curta nossa Página

Semana

Recentes

Comentários

Visualizações do Blog

Twitter

Anuncie Aqui

Anuncie Aqui
item