Estudantes universitários de Itaguaí ainda sem transporte

Os estudantes universitários de Itaguaí continuam sem o apoio da Prefeitura de Itaguaí para o deslocamento de ida e volta das faculdades. ...

Os estudantes universitários de Itaguaí continuam sem o apoio da Prefeitura de Itaguaí para o deslocamento de ida e volta das faculdades.

Alguma coisa está errada politicamente pois essa desculpa de que estão negociando convênio com as faculdades, ideologicamente está correta mas enquanto as faculdades não aceitam, os únicos que saem prejudicados são os estudantes de Itaguaí, e por que não dizer a cidade pois estes estudantes serão o futuro daqui.

Senhores políticos de Itaguaí, mostrem maior interesse em resolver esse impasse e façam o favor de explicar oficialmente o que está acontecendo. Algum político pode responder? Se responder, eu publicaremos aqui na parte de baixo do texto depois de respondido.

Sabemos que a Prefeitura não é obrigada a oferecer esse serviço mas pensem no futuro da cidade onde será uma covardia se os investimentos que estão vindo para Itaguaí, tiverem de buscar mão-de-obra qualificada de fora da cidade pois os daqui não puderam se qualificar devido as dificuldades impostas pela distância e transporte público de péssima qualidade.

Postar um comentário

  1. Fico lembrando da dificuldade que foi estudar na Rural de noite. Por fim, acabei me mudando para um alojamento. Muita sorte ter estudado na Rural num momento em que ainda haviam vagas nos alojamentos! Muita azar morar numa cidade que, além de operar um sistema quase de "toque de recolher implícito" (já que, por exemplo, depois de nove e meia da noite é uma aventura encontrar ônibus para sair ou chegar) ainda não disponibiliza transporte para os sortudos-azarados (porque conseguem entrar numa universidade, mas não moram no município do Rio, por exemplo)!

    ResponderExcluir
  2. Danilo Cabral de Aguiarquarta-feira, 19 maio, 2010

    O tempo passa e os problemas na Rural continuam, até hoje.

    O último horário de saída de Seropédica partindo para Itaguaí (Linha Seropédica X Itaguaí - Empresa Real Rio) é 21H!

    Ou seja, o aluno que sai da Rural por volta das 22H tem que fazer baldeação no KM 42, e, tem até (mais ou menos) as 23:00H, horário que passa o último Campo Grande X Ilha da Madeira!

    ResponderExcluir
  3. Tucano na cadeia e silêncio na imprensa

    O ex-prefeito de Camboriú, Edson Olegário (PSDB), se apresentou à polícia civil na quarta-feira (19), em Florianopólis, após ficar mais de duas semanas foragido.Edson Olegário é acusado de comandar uma série de atentados contra vereadores de oposição e do homicídio de um deficiente físico.

    Olegário é membro da Executiva Estadual do PSDB e até pouco tempo estava lotado no gabinete do correligionário e atual governador Leonel Pavan, que por sunal, deu 700 miol dos cofres público para a oração a José Serra (PSDB). Sua exoneração foi publicada depois da justiça decretar a prisão.Leia aqui no arquivo do blog

    O delegado Renato Hendges garantiu não ter dúvidas do envolvimento do tucano na série de crimes.O mais sensacional da história, foi a declaração do advogado de defesa do ex prefeito tucano. Segundo ele, na época dos crimes o então prefeito teria 70% de aprovação e a criação de uma CPI não seria de agrado dos moradores locais.

    ResponderExcluir
  4. BRASÍLIA (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou nesta quinta-feira a criação de uma metodologia permanente de compensação a prefeituras para eventuais quedas nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

    Para isso, o governo envia ao Congresso um projeto de lei, disse o ministro Alexandre Padilha (Relações Institucionais), durante a 13a Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios.

    "Cada vez que o bolo de FPM de um ano for menor que do ano anterior vai sair dinheiro da União", disse Padilha.

    O FPM é uma transferência constitucional da União composta de parcela do Imposto de Renda e do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

    Segundo o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, já houve compensação, em 2009, de 2 bilhões de reais, após a queda da arrecadação de impostos, resultado da desoneração realizada para aquecer a economia em função da crise financeira mundial.

    Pelos cálculos da CNM, o valor compensou a diferença entre o repasse do FPM de 51,3 bilhões de reais em 2008 e de 49,5 bilhões de reais em 2009.

    Além de medidas de combate ao uso de crack, o governo também deve anunciar aos prefeitos o fim da exigência de contrapartida financeira das prefeituras para obras do eixo de infraestrutura social e urbana previstas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC2).

    O objetivo é diminuir os gastos dos municípios e acelerar a execução de obras.

    (Reportagem de Natuza Nery)

    ResponderExcluir
  5. Este momento, o da realização do concurso público, é extremamente importante na vida daqueles que já estão há
    algum tempo na rede estadual como temporários – e que buscam se efetivar, para os que desejam melhorar sua
    situação funcional e para os que sonham iniciar a carreira do magistério, recém-saídos das universidades.
    A APEOESP sempre defendeu o ingresso na carreira pública por meio de concurso de provas e títulos, e de
    caráter classificatório, mas os sucessivos governos do PSDB não realizaram concursos periódicos, em número suficiente.
    O resultado é que mais de 48% dos professores da rede estadual são contratados em caráter temporário – e isto
    significa mais de 100 mil profissionais. Agora, o governo realiza um concurso eliminatório, em duas fases, para
    preencher apenas 10 mil vagas!
    Ao mesmo tempo, por falta de uma política salarial, os salários dos professores estaduais estão extremamente
    achatados. Estado mais rico da Federação, São Paulo paga o 16º pior salário do país: o PEB II, em jornada de 24 horas
    semanais, ganha R$ 7,58 por hora-aula; o PEB I, R$ 6,55. Ganhamos menos que os nossos colegas do Acre (R$ 11,70
    a hora-aula), de Roraima (R$ 10,32), Alagoas (R$ 10,15).
    O governo Serra, com a ampla maioria na Assembleia Legislativa, impôs um pacote de maldades contra os
    professores: as leis 1093, 1041 e 1097. Elas limitam o reajuste salarial apenas aos professores que sejam aprovados
    em uma prova, ainda assim limitados a 20% do total de professores. Ou seja, o reajuste pode ser dado apenas a um
    número ínfimo de professores e, de cara, 80% ficam prejudicados. Quanto aos temporários, os ingressantes e os que
    não são abrangidos pela lei 1010/07 (da Previdência Estadual) têm que se submeter a uma prova todos os anos, para
    participar do processo de atribuição de aulas. Pior, os contratos dos novos temporários terão validade de até 12 meses;
    depois terão que cumprir uma “quarentena” de 200 dias para poder se candidatar de novo no processo de atribuição.
    Isto precariza ainda mais a já precária situação do professor temporário

    ResponderExcluir
  6. Weslei,

    O que essas notícias enviadas via comentários tem a ver com o tópico?

    Lamentavelmente terei que dar razão ao Neuci em concordar que o pessoal do PT ficou meio alienado e só sabe fazer duas coisas agora: falar bem da Dilma e mal do Serra!!!!

    Cadê a militância do PT boa de debates e com propostas mil para ajudar o país, o Estado e o município?

    Se for para entrar aqui e postar notícias como comentários, que mais atrapalham o foco do debate do que ajudam, vc mais vai colaborar com quem quer que a cidade de Itaguaí continue despolitizada do que o contrário.

    Precisamos dos seus comentários com ideias, propostas etc.

    Obrigado!!!

    OBS: se quiser, eu crio um blog para vc e ajudo vc a divulgar seu blog pois lá vc faria um ótimo papel de blog associado a campanha da Dilma. Eu até te coloco em contato com o pessoal do blog dela pra te associar. Certo?

    ResponderExcluir
  7. Recebemos questionamentos sobre o ônibus das faculdades, vindos do blog Política de Itaguaí, mas infelizmente não sabemos quem enviou a mensagem. A pessoa não se identificou e assim fica mais difícil encaminhar uma resposta com a agilidade que – acredito, seja a nossa tônica.
    O problema é colocado de uma forma que parece que é responsabilidade do Legislativo, e de forma equivocada a ausência dos ônibus fica parecendo “culpa” do Poder Legislativo.
    Como uma pergunta demanda uma resposta, estou respondendo ao Blog Política de Itaguaí, mas verdadeiramente preferiria estar respondendo diretamente ao autor da pergunta.
    Depois de questionado sobre o fato, imediatamente entrei em contato com o Procurador Geral do Município, ele me informou que o contrato com a empresa que prestava este serviço foi rompido por ela não estar prestando os serviços de acordo com as cláusulas contratuais.
    Foi feita uma nova licitação para a realização do transporte para as faculdades, mas uma das empresas participantes pediu a impugnação do processo.
    Após esta informação entrei em contato com a Presidente da Comissão de Licitação da Prefeitura que me prometeu uma resposta oficial sobre a conclusão desta licitação até o dia 01/06.
    - O mais importante nisto tudo, segundo ela mesma, é que em nenhum momento foi justificado a ausência dos ônibus por causa de convênios não firmados.

    Aproveito para deixar aberto o canal para que outras pessoas que tenham outras dúvidas entrem em contato conosco:
    Site: www.nisan.com.br
    Email: nisan@nisan.com.br

    Saudações Nisan
    Vereador PV

    ResponderExcluir
  8. Mais uma vez este Blog prova ser uma grande ferramenta de utilidade pública, pois temos quase que uma linha direta com alguns Vereadores, que sempre que possível vem respondendo alguns questionamentos feitos através Blog.

    E esse Vereadores que com boa vontade nos responde, são precursores de uma nova linha de políticos na nossa Cidade, mesmo que els não sejam tão jovem na política assim, mas tudo bem! Nunca é tarde para mudar, principalmente se for pra melhor.
    Espero que outros(Vereadores), possam aderir esta postura.

    Estão de PARABÉNS! O Blog e os Vereadores que participam.

    ResponderExcluir
  9. RASGOU UMA SEDA EM NEUCIR!


    PROFESSOR

    ResponderExcluir
  10. "Depois do pão, a primeira necessidade do povo é a educação." (Danton)

    ResponderExcluir
  11. Vereador Nisan (PV)terça-feira, 01 junho, 2010

    Conforme eu havia me comprometido com alguns leitores deste Blog no dia 25/05, trago a informação tão desejada!
    Foi feita a licitação e as empresas vencedoras foram: FERNAN e ALFA, está faltando apenas na Ata da Licitação que acabou hoje
    (01/06) a assinatura do prefeito para a homologação da mesma e a assinatura do contrato com as empresas vencedoras.
    Na próxima semana buscarei a informação sobre a partir de qual dia que os ônibus passarão a servir os alunos.
    Qualquer dúvida entrem em contato: nisan@nisan.com.br

    ResponderExcluir
  12. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Curta nossa Página

Semana

Recentes

Comentários

Visualizações do Blog

Twitter

Anuncie Aqui

Anuncie Aqui
item