Datafolha: Dilma soma 56% dos votos válidos; Serra tem 44%

A candidata à presidência da República pelo PT, Dilma Rousseff, mantém 12 pontos de diferença para seu adversário, José Serra (PSDB), segund...

A candidata à presidência da República pelo PT, Dilma Rousseff, mantém 12 pontos de diferença para seu adversário, José Serra (PSDB), segundo pesquisa Datafolha divulgada pelo jornal Folha de S. Paulo nesta sexta-feira. A petista soma 56% dos votos válidos, contra 44% de Serra.

Nos votos totais, quando são contados os eleitores indecisos e os votos brancos e nulos, Dilma tem 50% e Serra, 40%. Os votos brancos e nulos somam 5%, enquanto 4% não souberam ou não opinaram. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos percentuais.

Encomendada pela Folha de S. Paulo, a pesquisa foi realizada no dia 28 de outubro, com 4.205 entrevistados em todo País, e registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 24 de outubro de 2010, sob o número 37721/2010.

http://odia.terra.com.br/portal/brasil/eleicoes2010/html/2010/10/datafolha_dilma_soma_56_dos_votos_validos_serra_tem_44_120584.html

Postar um comentário

  1. Depois do debate da Globo, indecisos cercaram Dilma para fotos com ela. Até Kamel, mulher e filha tiraram a sua
    outubro 30th, 2010 | Autor: Jussara Seixas
    O fim de debate para Serra ontem foi melancólico. Era sua última oportunidade, mas ele provou ser apenas o que é, um medíocre, que só chegou aonde chegou por usar de golpes contra os adversários, como no caso Lunus, pelo apoio incondicional do PIG, pelas calúnias e mutretas armadas por sua campanha, aliada às áreas mais reacionárias da sociedade, a direitona mais safada das igrejas, o masoquismo religioso do Opus Dei. Tudo com o apoio financeiro inestimável do pessoal que queria a vitória de Serra para que ele nomeasse novo engavetador-mor para sentar em cima de todas as mutretas, falcatruas e roubalheiras das privatizações.
    Mas, como se não bastasse isso – seu desempenho pífio no debate – Serra teve que assistir, isolado, à plateia de indecisos que participaram do programa correr para os braços de Dilma. Até, humilhação das humilhações, Kamel, esposa e filha tiraram uma foto com nossa futura presidenta!!!

    ResponderExcluir
  2. DENUNCIE: Veja a lista de fiscalização e plantão jurídico
    Autor: Jussara Seixas
    A coligação de Dilma Rousseff manterá um plantão de advogados e fiscais para receber denúncias de irregularidades nas eleições de domingo. Veja a lista abaixo com os contatos em todos os estados:
    Plantão Jurídico
    ACRE: SALVINO, 68-9961-7205.
    ALAGOAS: RICARDO, 82-8816-8889.
    AMAPÁ: JORGE, 96-9971-6932.
    AMAZONAS: EGBERTO, 92-3584-2581 / 92-3584-2995.
    BAHIA: SARA, 71-3270-6590 / 71-3270-4481.
    CEARÁ: JOÃO, 85-3105-4040.
    DISTRITO FEDERAL: EUCLIDES, 61-3326-0945 / 61-3323-2294.
    ESPÍRITO SANTO: ANDRÉ, 27-3223-3455.
    GOIÁS: SEBASTIÃO, 62-3215-6004.
    MARANHÃO: PAULO GUILHERME, 98-9149-7420 / 98-8832-9513.
    MATO GROSSO: IGNEZ MARIA, 65-3023-1311.
    MATO GROSSO DO SUL: VALERIANO, 67-3042-7423.
    MINAS GERAIS: EDILENE, 31-3115-7613.
    PARÁ: ANTONIO, 91-3236-2261.
    PARAÍBA: MARCOS, 83-3221-3409.
    PARANÁ: GUILHERME, 41-3528-1315 / 41-9152-5315.
    PERNAMBUCO: EDUARDO, 81-3423-1159 / 81-3222-6248.
    PIAUÍ: ALEXANDRE, 86-3221-0766.
    RIO DE JANEIRO: PAULO, 21-2533-0594.
    RIO GRANDE DO NORTE: CARLOS, 84-2010-0013.
    RIO GRANDE DO SUL: MARITÂNIA, 51-3212-6166.
    RONDÔNIA: ERNANDES, 69-3224-5926 / 69-3224-5906.
    RORAIMA: FRANCISCO, 95-3623-3318.
    SANTA CATARINA: MAURO, 48-3223-4567.
    SÃO PAULO: MARIA LOURDES, 11-3035-4651.
    SERGIPE: BRENO, 79-3214-7895.
    TOCANTINS: PAULO, 63-3224-1313.

    COMITÊ NACIONAL: 61-3217-1313

    Fiscalização nos Estados

    ACRE: EUGÊNIO, 68-9202-1298.
    ALAGOAS: MARCELO, 82-8802-0018.
    AMAPÁ: NILZA, 96-9112-4081.
    AMAZONAS: ERNANI, 92-3584-2581 / 92-3584-2995.
    BAHIA: JONAS, 71-3270-6590 / 71-3270-4481.
    CEARÁ: SONIA, 85-3105-4040.
    DISTRITO FEDERAL: ROBERTO, 61-3326-0945 / 61-3323-2294.
    ESPÍRITO SANTO: LUIZ, 27-3223-3455.
    GOIÁS: VALDI, 62-3215-6004.
    MARANHÃO: PAULO, 98-9149-7420 / 98-8832-9513.
    MATO GROSSO: APARECIDO, 65-3023-1311.
    MATO GROSSO DO SUL: ANANIAS, 67-3042-7423
    MINAS GERAIS: CARLOS, 31-3115-7613.
    PARÁ: MARIA, 91-3236-2261.
    PARAÍBA: MARCOS, 83-3221-3409.
    PARANÁ: JOSÉ, 41-3528-1315 / 41-9152-5315.
    PERNAMBUCO: ALUISIO, 81-3423-1159 / 81-3222-6248.
    PIAUÍ: FÁBIO, 86-3221-0766.
    RIO DE JANEIRO: EUGÊNIO, 21-2533-0594.
    RIO GRANDE DO NORTE: FÁTIMA, 84-2010-0013.
    RIO GRANDE DO SUL: JOSÉ, 51-3212-6166.
    RONDÔNIA: WALDISON, 69-3224-5926 / 69-3224-5906.
    RORAIMA: FLAVIO, 95-3623-3318.
    SANTA CATARINA: MIRIAN, 48-3223-4567.
    SÃO PAULO: ANTONIO, 11-3035-4651.
    SERGIPE: GENIVALDO, 79-3214-7895.
    TOCANTINS: HERLAN, 63-3224-1313.

    ResponderExcluir
  3. Graças a DEUS! sei ler, escrever, trabalho duro para ganhar o meu sustento e "FAÇO PARTE DOS 44%", que não vota no PT.


    QUE ISSO FIQUE REGISTRADO.

    ResponderExcluir
  4. Servidor é obrigado a participar da passeata de Serra
    Autor: CelsoJardim

    Pouca gente na passeata pró-Serra em SP
    Militantes do PSDB e políticos tucanos como ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o governador de São Paulo, Alberto Goldman, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, entre outros, realizam na tarde desta sexta-feira (29) uma caminhada pelas ruas do Centro de São Paulo. O grupo saiu por volta das 12h10 do Largo de São Francisco e caminhou até a Praça da República.
    Funcionários públicos de secretarias e estatais do governo paulista e da prefeitura da capital relataram terem sido convocados para o ato de encerramento de campanha do candidato à Presidência da República José Serra (PSDB). A caminhada no centro de São Paulo ocorre no início da tarde desta sexta-feira (29). Serra foi governador de São Paulo até março deste ano, quando foi sucedido por seu vice, Alberto Goldman (PSDB). Na prefeitura, Gilberto Kassab (DEM) também é aliado do tucano.
    As informações obtidas pela Rede Brasil Atual dizem respeito às secretarias de Educação, de Habitação e de Transportes, à Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) e à Empresa Metropolitana de Água e Energia (Emae). Os servidores pediram para não ser identificados.
    Todos os órgãos negaram, por meio das respectivas assessorias de imprensa. No caso da Secretaria de Transportes, além de negar qualquer movimentação, a assessoria garante que todos os funcionários estavam trabalhando às 12h20.
    Ônibus foram empregados para levar os servidores que apoiam Serra ao ato, informaram os funcionários, no caso da Sabesp, da Secretaria de Educação e de Habitação. Os entrevistados pela Rede Brasil Atual não souberam dizer se os veículos haviam sido fretados por órgãos públicos, pela campanha ou por cabos eleitorais. Diretores de escola e funcionários administrativos da pasta que cuida do ensino no estado também participam, segundo os relatos.
    Celso Jardim com Brasil de Fato

    ResponderExcluir
  5. Dilma diz que não guarda mágoas de campanha e convoca união após eleição
    Autor:Daniel Bezerra
    Em seu último evento público antes da eleição, a candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, disse não guardar mágoas da disputa, referindo-se a ataques da campanha do adversário José Serra (PSDB).
    - Eu não guardo mágoas. Acho que, quando a gente guarda mágoa, a gente carrega aquele peso na alma e não tem aquela generosidade, necessária a qualquer um de nós.
    A declaração foi feita na região do Lago da Pampulha, em Belo Horizonte, pouco antes de a petista iniciar uma carreata pelas ruas da capital mineira. Rodeada por militantes, Dilma fez um apelo de união após o segundo turno e prometeu governar para todos os brasileiros.
    - Depois da eleição, eu quero reunir o Brasil em torno de um projeto de desenvolvimento, não só material, mas de valores.
    A presidenciável falou ainda que quer “transformar [o país] em um exemplo de um lugar de convivência, tolerância e com capacidade de viver em paz”.
    Minas Gerais foi o local escolhido para encerrar a campanha por ser o Estado natal da candidata. Para ela, Belo Horizonte é a cidade que tem que como referência em sua vida.
    - Acho simbólico que nesse final de campanha eu retorne aqui e faça um fechamento da minha campanha nesse lugar.
    Papel do Lula
    Ao falar sobre o possível papel do atual presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em seu possível governo, Dilma disse que “obviamente ele não terá presença no ministério”, mas será importante para a gestão. Segundo ela, Lula será sempre uma pessoa em quem ela poderá ter “imensa confiança”.
    - Conversarei com o presidente, terei uma relação muito íntima e muito forte [com ele]. Ninguém vai me separar do presidente Lula.
    Carreata
    A campanha começou a carreata pela zona norte de Belo Horizonte usando um carro de som. Como a estratégia é proibida hoje pela lei eleitoral, véspera do pleito, ela foi abortada. O evento lotou as ruas da periferia e parou o trânsito. Dilma deve seguir agora para Porto Alegre (RS), onde irá votar amanhã. Fonte R7.

    ResponderExcluir
  6. Dilma firma compromisso com Lan Houses
    Dilma fala com 100 mil Lan Houses do país!
    A verdadeira revolução que a internet provoca na vida de milhões de brasileiros está estritamente ligada as Lan Houses. É na periferia que elas fazem a maior diferença porque são responsáveis pela metade dos acessos dos internautas brasileiros. Sei que mais de 90% das Lan Houses funcionam na informalidade, mas vou legalizar esses estabelecimentos e criar linhas de crédito para eles. O Governo precisa ser parceiro das Lan Houses, estimular o potencial que elas tem. Vamos trabalhar juntos na construção de verdadeiros espaços coletivos, onde as pessoas se reunem para trocar informações e acessar serviços.

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Curta nossa Página

Semana

Recentes

Comentários

Visualizações do Blog

Twitter

Anuncie Aqui

Anuncie Aqui
item