Cabral, a falta de vergonha e os amigos do rei

Com certeza uma das maiores mazelas do sistema político brasileiro é a corrupção generalizada. Não apenas pela questão moral, mas também p...

Com certeza uma das maiores mazelas do sistema político brasileiro é a corrupção generalizada. Não apenas pela questão moral, mas também por ser responsável pela baixa qualidade dos serviços públicos prestados e pela redução da capacidade de investimento do Estado.

Em suma, o dinheiro roubado através de desvios ou superfaturamentos deixa de ser destinado às melhorias estruturais e ao atendimento da população, principalmente a mais necessitada.

Contudo, existe pelo menos uma coisa que consegue indignar mais do que a corrupção: a falta de vergonha na cara daqueles que a empreendem.

Se há algo que é pior do que desviar verbas públicas é desviar verbas públicas e ainda por cima achar que não se trata de algo demais.

Essa desfaçatez tem caracterizado a atuação do Governador Sérgio Cabral (PMDB-RJ).

Embora não se possa afirmar, sob pena de ser leviano, que o Governador é corrupto, é possível dizer sem medo de errar que a relação estreita entre ele e o empresariado que tem interesses a serem defendidos junto às arcas do Estado do Rio de Janeiro facilita este processo nocivo através, principalmente, de privilégios, fraudes e dispensas de licitação e superfaturamentos.

Sendo assim, é impensável que um Governador possa imaginar que não há problema algum nesta mistura do público com o privado.

Pois o Governador Cabral não sente pudor algum. Teve suas viagens em jatos de empresários e amigos milionários descobertos e expostos pela imprensa nacional e apenas deu desculpas esfarrapadas, além de prometer seguir um novo “código de conduta” que seria cômico se não fosse trágico.

E como se não bastasse, a desfaçatez segue ocorrendo. Novos contratos foram assinados, sem licitação, com a Delta, empresa que pertence a um dos amigos do Governador.

São novos milhões de reais do povo fluminense sendo repassados aos amigos do rei, que pensa não dever satisfações a ninguém, como nos tempos da corte.

Parece que está faltando vergonha no Palácio Guanabara.

Bruno Kazuhiro - Perspectiva Política

OBS: Pode-se pensar esse texto mudando os personagens e colocando o nome de uma cidade, uma cidade muito longe daqui, que tem problemas que parecem os problemas daqui...

Postar um comentário

  1. Olá!
    Eu olhava para a corrupção do governo do PT do presidente Lula e pensava a mesma coisa que vc, Dilma foi eleita e eu pensei o que deu errado? depois de algum tempo descobri. Foi tudo uma questão de custo benefício. Vc sabe: Bolsa Familia, minha casa minha vida, "distribuição de renda" Crédito mais barato, etc... O povo sabia da corrupção mais preferiu aquilo que o beneficiava.
    Com Cabral foi a mesma coisa: UPA, UPP... Vai ser a mesma coisa com Eduardo Paes Clinica da Familia, Versão carioca do Bolsa familia, etc... Quanto a cidade bem longe daqui (desculpe fui hipócrita) Itaguaí, o raciocínio do povo é o mesmo. Ruas asfaltadas, praças construidas e reformadas, postos de saude, escolas, creches, CEMES, CEO, SENAI, FAETEC...
    Imoralidade por imoralidade, Sagario e Benedito também foram imorais e que legado eles deixaram?
    Imorais também são os vereadores (vicente, beto, silas, robertinho, jorginho...). Agora nas urnas o que o povo levará em conta? Pense nisso.

    ResponderExcluir
  2. FORA COBRAL!
    Chega de cobras no poder.
    Governador cara de pau, governo sem vergonha, pior salário do Brasil!
    Professora

    ResponderExcluir
  3. O PIOR ENTRE OS PIORES
    Zé você só “Esqueceu” de que nos últimos anos a arrecadação municipal, por conta dos investimentos aqui em nosso município, cresceu proporcionalmente muito mais do que nos outros entes da federação, de que estes entes fazem investimentos aqui(UPA e bolsa família, credito mais barato) e o inverso não acontece. Na área social temos o bolsa família e o minha casa minha vida, no município nada existe de parecido pois a renda aqui vai pro povo de Mangaratiba e o esmeralda, topázio e turmalina é uma vergonha e por um grande “mistério” o minha casa minha vida não chegou aqui.
    P.S.: graças a deus que você não é advogado, se fosse coitado do seu cliente !!

    ResponderExcluir
  4. Anonimo vc é disléxico?
    Eu atribuí cada programa ao ente da federação que o criou!
    Não sou advogado, sou eleitor, sou morador, sou cidadão!
    A analogia permanece!
    Não nego o que foi feito de errado e acredito que todo desvio tem que ser punido com severidade, porém peso os prós e os contras como qualquer morador de itaguai. Não tô nem aí para a briga politica de vcs! Estou do lado dos moradores que, assim como eu, querem muito mais as melhorias e os serviços de que necessitam do que "MORALIDADE" Por isso citei aquilo que foi realizado de bom! são os dois pratos da mesma balança e é o povo que mora e vota aqui quem vai decidir, em 2012, o que pesa mais!

    ResponderExcluir
  5. Não disse que você não deu crédito aos autores dos programas, apenas lembrei que muitos dos programas feitos pelos outros entes da federação vieram pra Itaguaí e Isto melhora o índice de aprovação do ente criador, mas também do prefeito do município destinatário final do programa e o contrario, obviamente, não acontece. Acho que isto está claro em minha postagem.
    PS: Não é advogado nem pode ser Médico, coitado de seus pacientes com você fazendo o diagnostico.
    PS1: O seu pragmatismo da ultima mensagem lembra muito uma das faces mais criticadas do PT no governo federal, será que teremos mais um filiado ao partido em Itaguaì ?

    ResponderExcluir
  6. Dislexia diagnosticada por médico?
    Vc sabe o que é dislexia?
    Quem diagnostica dislexia, em 1º lugar é a professora da criança, de preferencia do pré - Escolar depois ela é encaminhada para fono e depois, se for o caso para o profissional habilitado em neurolinguistica, sabe o que é isso!
    Dislexico é aquele que não consegue ler porque o cerebro "embaralha" a ordem das letras, existem metodos para ajudar quem tem esse tipo de "particularidade" já que dislexia não é classificado como doença. Aconselho-te a procurar uma boa fonoaudiologa para que ela possa te ajudar, pois vejo que vc continua embaralhando tudo!

    ResponderExcluir
  7. Não sou afiliado a nenhum partido PT? Deus me livre desse mal!!!!!!!!
    Fiz uma analise do que acontece na prática!
    Sou povão!!!!!!!!
    Eu quero é mais ver melhorias para minha comunidade! O resto? Já tem esse nome já não é a toa!!!!!!

    ResponderExcluir
  8. Não sou médico nem trabalho na área de educação, mas também não vivo dando palpites.
    CID (Código Internacional de Doenças)
    • R48 - Dislexia e alexia
    Fonte: http://www.cid10.com.br/
    http://www.medicinanet.com.br/cid10/r.htm
    http://www1.previdencia.gov.br/docs/pdf/CID-10_Codigo%20e%20Literal.pdf
    http://www.datasus.gov.br/cid10/v2008/cid10.htm

    ResponderExcluir
  9. Eu já tô cheio de ouvir falar : "ah, mas antes o município arrecadava menos que hoje". Ora bolas! se arrecadava tão pouco, por que no governos Abelardo,Otoni,Benedito e Sagário, se pagava, e paga até hoje aos que se aposentaram, salários de mais de R$20.000,00 à funcionários como professores e fiscais?

    O Sagário, com a ajuda da "nobre" Câmara Municipal, consegui elevar o seu salário (naquela época que se arrecadava pouco), pra mais de R$24.000,00, ganhava mais que o dobro que Fernando Henrique, Presidente na época.

    Se a arrecadação era tão pequena, como é que esses prefeitos conseguia pagar tão bem para alguns funcionários e fazer tão pouco pela comunidade.

    Ah Zé! essa da dislexia foi ótima!!!rsrsrs

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Curta nossa Página

Semana

Recentes

Comentários

Visualizações do Blog

Twitter

Anuncie Aqui

Anuncie Aqui
item