Alunos protestam contra humilhação na Expresso Mangaratiba (representantes da Prefeitura de Itaguaí ao invés de apoiar, tentam reprimir mostrando que apoio dá aos estudantes)

Jornal Atual, 08 de setembro de 2011. Empresa estaria adulterando o equipamento para impedir viagem dos estudantes Um grupo de alunos, re...

Jornal Atual, 08 de setembro de 2011.
Empresa estaria adulterando o equipamento para impedir viagem dos estudantes

Um grupo de alunos, revoltados com o descaso da empresa de ônibus Expresso Mangaratiba, se reuniu neste 7 de setembro para manifestar sua insatisfação logo após o desfile cívico do município de Itaguaí. Representantes de várias escolas estiveram presentes, juntamente com pais e amigos.
Segundo o pai de uma aluna, Marcelo Rodrigues de Castro, 37 anos, vários estudantes estão tendo dificuldades para ir a escola. “Minha filha está quase reprovada por faltas por não conseguir chegar na escola, no horário. Ela tem que pegar dois ônibus para chegar em Itaguaí, quando ela poderia pegar apenas uma condução na porta de casa”, reclamou ele.

Sentimento comum entre os estudantes, a humilhação e a vergonha estão estampadas na face de todos eles. “Às vezes, a gente fica até oito horas da noite para pegar o ônibus. Eu me sinto sem valor nenhum. Como posso estudar desta forma?”, revoltou-se Joice de Oliveira de Souza, 15 anos, estudante do primeiro ano.
Outro aluno que não aguenta mais está situação é Gerson Mateus Alves de Carvalho, 18 anos, que mesmo estando no terceiro ano ainda se surpreende com tamanho descaso. “Nós estamos aqui para correr a traz dos nossos direitos. Me sinto humilhado quando venho para a escola. Todo mundo se sente assim. Já estou correndo o risco de ser reprovado por não conseguir chegar na escola”, afirmou ele.

A dona de casa Silvania dos Santos Teles, 43 anos, denunciou um caso que descobriu sem querer: “Eu estava indo para casa e tive a informação de um motorista da Expresso, de que um mecânico da Expresso mexeu na maquininha para que esta parasse de aceitar o passe dos alunos. Sou mãe de uma aluna do segundo ano que tem que pegar duas passagens e eu não tenho condições para isso.”

Manifestação foi quase impedida
Segundo a professora Rosimar Alves de Miranda, uma das organizadoras do protesto, a manifestação quase não aconteceu, pois alguns representantes do poder público ao saberem da possível manifestação proibiram que esta acontecesse. Até mesmo as faixas que estavam programadas foram proibidas de circular.

Escrito por: Débora Fernandes - Jornal Atual

Postar um comentário

  1. A Professora Rosimar conversou com a deputada Andreia e agendou uma reunião para buscar solução para este problema, eu mesmo intermediei no dia do desfile de 7 de setembro. Por ser linha de empresa intermunicipal a questão tem que ser resolvida pelo Estado. Já que o DETRO é o órgão fiscalizador.

    ResponderExcluir
  2. Os estudantes podem comparecer no MP e preencher um formulário que já está disponível.

    ResponderExcluir
  3. Até quando a empresa espresso managratiba vai ficar impune, pois não é só do fato de não respeitar alunos e idosos, ela também não respeita a lei contratando motoristas com carteiras falsas, sem falar na maneira velozes e furiosos de dirigir... Será que Itaguaí continua sendo terra de ninguém onde tudo pode acontecer, sem nenhuma punição?

    ResponderExcluir
  4. Não precisa ser nenhum genio pra sacar o problema da inpunidade da expreso MANGARATIBA. ela e de MANGARATIBA E como nosso prefeito esta se lichando pra Itaguai.

    ResponderExcluir
  5. Anonimo, só para constar, a empresa Expresso Mangaratiba é sediada em Duque de Caxias e possue garagens em Itaguaí, Caxias e KM 32. Para de forçar a barra!

    ResponderExcluir
  6. Olá,

    Peço desculpas pelo teor tendencioso no Título da postagem, é que lembrei da dificuldade que enfrentei para fazer meus 3 anos de CTUR em Seropédica e era obrigado a ver a Real Rio decidir se eu ia ou não para a escola naquele dia.

    E lembrei da dificuldade maior ainda, para cursar História a noite na Rural e minha aula terminar as 22h mas o último ônibus da Real Rio sair de Seropédica as 21h. Ou eu perdia 1 hora de aula ou eu pagava uma passagem a mais para fazer baldiação e chegava em Itaguaí horas depois.

    Magoado fiquei e estou pois cansei de pedir ajuda para a Prefeitura de Itaguaí e sempre ouvia essa lenga-lenga de ser uma linha inter-municipal e a Prefeitura não poder fazer nada.

    Isso que dá termos uma Prefeitura com políticos sem moral (talvez até tenham moral mas devem ter levado alguma ajuda dessas empresas de ônibus para suas campanhas vitoriosas e agora não podem reclamar delas).

    ResponderExcluir
  7. 1 - O que é mais importante:

    a) Os jovens que serão o futuro dessa da cidade de Itaguaí;
    b) ou as empresas Real Rio e Expresso?

    Resposta correta: Os jovens.

    Resposta dada pela Prefeitura: as empresas pois elas nos ajudaram na campanha.

    ResponderExcluir
  8. Para uma pessoa provida de inteligência reflexiva, basta a ótima resposta do Professor Fabiano.

    A linha é intermunicipal e o Márcio Pinto vem dizer que só o Estado deve resolver a questão. Em outras palavras, o prefeito não manda e não determina nada, tampouco as leis feitas pelos vereadores podem ser cumpridas por essas empresas de ônibus.

    Será que é necessário um órgão do governo estadual legislar sobre algo que o próprio prefeito pode resolver? Ou será que a autonomia garantida pela CF para cada território brasileiro inexiste em Itaguaí, onde as linhas de ônibus intermunicipais que trafegam por aqui só devem cumprir as determinações do Detro ?

    ResponderExcluir
  9. A questão do tranporte dos estudantes da rede estadual tem que ser esclarecida para as pessoa que não tem o conhecimento de como funcionam, os da rede municipal a prefeitura disponibiliza ônibus próprios, o da rede estadual os alunos recebem da secretaria estadual da educação os seus cartões para de acordo com os endereços informados e o turno que os alunos estudam poderem utilizar nos ônibus particulares como por exemplo o da Expresso mangaratiba, existe um aparelho nestes ônibus para a validação deste cartão, que é validado mensalmente de acordo com a frequência escolar, e só pode ser utilizado naquele trajeto da residência para a escola e no horário escolar, então é necessário conversar com os alunos que estão com o seu cartão sem validação para ver o motivo do problema. Para podermos tomar as providências necessárias. Os ônibus da Expresso são de linhas intermunicipais por isso do comentário anterior. Não deixaremos os alunos serem prejudicados. Espero ter esclarecido.

    ResponderExcluir
  10. Padrinho, esse anônimo ai realmente forçou muito a barra mas o ultimo paragrafo do Prof.Fabiano comprovam que ele não está muito longe da realidade não.

    ResponderExcluir
  11. Prof° Fabiano Bastosterça-feira, 13 setembro, 2011

    Volto a dizer que é um problema político sim.

    Se tivesse um político de verdadeira força no governo, ele daria um jeito de resolver isso.

    A Expresso não pode usar e abusar do povo de Itaguaí e Mangaratiba e ninguém fazer nada, se os políticos da região, em sua maioria não tivessem o financiamento em suas campanhas, com dinheiro da Expresso. (legalmente ou ilegalmente)

    Começa a aplicar multas que cabem a Prefeitura!

    Começa a cobrar impostos atrasados!

    Denuncia no DETRO como Prefeitura!

    Cobra do Governador!

    Faz operação de fiscalização nas instalações da empresa!

    OBS: Se a Expresso pode fazer o que ela quer com a população naqueles ônibus velhos, o Governo também pode. Não vejo nada de ilegal no que eu disse que a Prefeitura pode fazer.

    Se o Benedito Amorim conseguiu arrumar um tumulto com o Porto de Sepetiba, hoje Porto de Itaguaí, e venceu a guerra sobre a arrecadação de impostos para Itaguaí, é o mínimo que a Prefeitura atual pode conseguir.

    ResponderExcluir
  12. Srs. como venho dizendo, já a um bom tempo aqui no blog, o foco da administração Xarlinho não é, nunca foi e nunca será o povo de Itaguaí. O tratamento dispensado aos passageiros, e principalmente, aos estudantes de nossa cidade demonstra o total descaso com que o prefeito trata o cidadão itaguaiense, o de hoje e o pior, o de amanha mais ainda. Bastaria uma determinação do prefeito de que o município fizesse valer seu poder de policia para que o tratamento dispensado pelas empresas aos passageiros se tornasse, se não um excelente serviço, ao menos um serviço humano. Volto a bater na mesma tecla, pois sinceramente considero o único, logico e natural caminho a seguir, temos ruas asfaltadas, escolas, creches e postos de saúde, tudo deixando a desejar em muitos aspectos e construídos para promover uma verdadeira rapina aos cofres municipais, mas dos males o menor, estão lá, aguardam somente alguém com vontade política que possa adequá-los a realmente prestar os serviços a que foram e a quem foram destinados, infelizmente minha gente, isto não acontecerá neste governo nem numa eventual eleição de um dos 5 ou 6(ou quantos mais o rei tentar fazer decolar) cotados pela atual administração. Já que todos os indicados pelo prefeito dizem que “seguirão seus passos”, fica claro então, que como na situação do transporte em nosso município, fazer chegar avanços aos menos favorecidos não é o forte da atual administração municipal nem será de uma eventual continuidade. Só nos restando então eleger alguém realmente vinculado com o povo de Itaguaí.

    ResponderExcluir
  13. Essa situação com os alunos, retrata a cara de um governo sem vergonha e cara de pau! Governo do "Sr.COBRAL"
    da família da cobra coral.
    Pior salário do Brasil.
    Nogentooooooooooo!

    ResponderExcluir
  14. Alunos, YOUTUBE neles!! é tão fácil, vcs todos tem celular.

    ResponderExcluir
  15. Meu nome e Francisco trabalho na expresso a 6 anos deste que eu endrei na empresa os fiscais da garagem de itaguai falam q não e pra para pros estudandes pis se eu parace eu ia pagar a diferença na garagem.quando eu cheguei eu fazia a linha chapero x santa Cruz pois ali tem muitos alunos depois de tres anos na linha Me mudaram de linha pois eu parava pros estudandes.então hoje eu faço a linha mangaratiba x jacarei da costeira eu endendii isso como represaria por que eu para pros alunos.

    ResponderExcluir
  16. Olá pessoal, eu acabei de registrar uma reclamação contra a empresa EXPRESSO MANGARATIBA na ouvidoria do DETRO-RJ, é preciso que algo seja feito pra melhorarmos a qualidade do transporte público. Eu fiz a minha parte, e não podemos permiotir tal descaso com seus passageiros. Segue abaixo o texto que mandei a eles: By Máximo Pacheco.

    Saudações a esse digno órgão fiscalizador:

    Venho por meio desta
    reclamar sobre o total descaso por parte da empresa Expresso Mangaratiba para com seus passageiros. Infelizmente sou obrigado a utilizar por muitas vezes os ônibus dessa empresa para me locomover de Itaguaí a Campo Grande, vice e versa. Na maioria dos casos utilizo a linha Itaguaí X Campo grande (via Palmares). O grande problema é que os motoristas não param no ponto e muitas das vezes sou obrigado a me deslocar até o ponto final para não correr o risco dos motoristas não pararem pra mim. Além da falta de zelo por parte dos mesmos no que tenge à condução dos veículos, colocando em risco a vida dos passageiros. E diga-se de passagem não é raro ver cenas de acidentes envolvendo ônibus dessa empresa. A falta de repeito é tão grande que eles não se preocupam em fornecer as informações corretas aos seus passageiros. Em um caso que aconteceu comigo recentemente, estava aguardando um ônibus na estrada do Campinho por volta das 22:40 do dia 23 de agosto de 2012, no letreiro eletrônico estava escrito "Itaguaí via Campinho". Eu já havia passado meu cartão do Riocard quando o motorista me perguntou da seguinta forma: Para onde você vai?. Respondi que iria pra Itaguaí, e ele disse que o ônibus só iria até Santa Cruz. Então questionei a ele como eles podem fornecer uma informação ao passageiro que não está correta? O motorista disse que eu é que estava errado por não perguntar a ele até aonde o ônibus iria, mas como posso estar errado se o recomendado é falar com o motorista somente o indispensável? Eu além de ler o que está escrito no letreiro eu tenho a obrigação de perguntar ao motorista para aonde aquele ônibus está indo? Isso é um absurdo, uma total falta de respeito. Quanto a passagem que paguei com o Riocard, pedi imediatamente o estorno da minha passagem e fui ressarcido, aí ele disse que ficaria no prejuízo, além de tudo ainda fui constrangido.Não sou saqueador, pedi ressarcimento de um dinheiro que era meu por um serviço não utilizado porque a empresa EXPRESSO MANGARATIBA não tem respeito pelos seus clientes.

    Desde já agradeço a colaboração:

    Máximo Pacheco

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Curta nossa Página

Semana

Recentes

Comentários

Visualizações do Blog

Twitter

Anuncie Aqui

Anuncie Aqui
item