MANGARATIBA: Capixaba lança NOTA OFICIAL - Já está recorrendo no STJ, defende-se das acusações e nega ameaças a adversários

Nota Oficial - Evandro Capixaba A defesa de Evandro Capixaba já apresentou ao Superior Tribunal de Justiça pedido de alvará de soltur...

Nota Oficial - Evandro Capixaba

A defesa de Evandro Capixaba já apresentou ao Superior Tribunal de Justiça pedido de alvará de soltura e imediata recondução ao cargo de prefeito de Mangaratiba, convicta da ilegalidade da prisão ocorrida no último dia 17/04.
Evandro Capixaba não fraudou licitações nem coagiu ou agrediu testemunhas. Repudia qualquer tipo de ameaça e cerceamento ao trabalho do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro e de profissionais de imprensa, pois é um defensor da democracia, detentor de mandato público há 20 anos, avesso a qualquer ato de violência.
A prisão de Evandro Capixaba se deu exclusivamente pelas suposições relatadas por adversários políticos. Uma prisão preventiva ilegal por não existir qualquer fundamentação concreta que demonstre a necessidade de utilização da medida extrema.
Tão logo tomou conhecimento das irregularidades denunciadas pelo Ministério Público, Evandro Capixaba determinou a suspensão dos pagamentos de todos os contratos objeto de investigação, constituiu Comissão Especial Sindicante para apuração dos fatos, além de estar sempre à disposição do Ministério Público para esclarecer todas as questões, por ser o principal interessado em ratificar a legalidade e idoneidade da sua administração. Sendo assim, não há razão legal para a detenção e o afastamento de Evandro Capixaba do cargo ao qual foi legitimamente reeleito com mais de 94% dos votos válidos.
Também são infundadas as denúncias de existência de funcionários fantasmas na Prefeitura de Mangaratiba. Todas as contratações durante a gestão de Evandro Capixaba foram realizadas de forma legal. Por intermédio de concurso público realizado em 2012, e de dois processos seletivos realizados em 2014 e neste ano, a gestão de Evandro Capixaba anulou carências graves de pessoal, sobretudo nas áreas de Educação e Saúde, e vinha obtendo melhora contínua na prestação dos serviços, especialmente na Educação, que alçou Mangaratiba ao melhor IDEB entre as cidades da Costa Verde.
Evandro Capixaba jamais respondeu a qualquer ação penal, foi ilegalmente preso e afastado do cargo justamente no momento em que finalizou projeto para a realização de concurso público ainda no primeiro semestre de 2015, para o preenchimento de mais de 1.000 vagas para carreiras de nível Técnico, Fundamental, Médio e Superior.

Notícias Relacionadas

Política 6814592128421104136

Postar um comentário

  1. Agora é santo,mas,quando estava afundando Mangaratiba se sentia o cara.Capixaba nunca mais é o lema.........

    ResponderExcluir

emo-but-icon

Curta nossa Página

Semana

Recentes

Comentários

Visualizações do Blog

Twitter

Anuncie Aqui

Anuncie Aqui
item